sábado, 31 de janeiro de 2009

A ponte é uma passagem para a outra Margem.


Para aqueles que não podem ver o avanço dos trabalhos da Ponte diáriamente, aqui fica o registo desse avanço, a cerca de 4 meses para a sua inauguração, a Obra vai de vento em popa.

7 comentários:

Pedro Moço disse...

Homenagem ao Timoneiro:

"...Os Homens entreolharam-se, receosos da inevitabilidade do tempo e, num ápice, a todas as vozes, perguntaram: “será possível que o nosso corpo fraco, a nossa alma fraca, a nossa vontade quebradiça, possa erguer tal obra, monumento ao orgulho e força humanos? Será possível que não soçobremos perante tamanha e tão desmesurada obra?
E olhavam-se de novo, as mãos trémulas, a garganta oprimida pelo temor, o medo da resposta que temiam.

E o Timoneiro, colérico, ergueu-se, um corpo de aço contra a tempestade, mas também ele estilhaços de vidro, e temor oculto. E falou:

Pobres de Vós se a vontade vos trai e preferis sentar-vos a lamentar-vos como crianças indefesas. Eu sou o Timoneiro, o que faz, o que já fez e o que fará. A vossa força vos surpreenderá, em cada minuto vos espantareis por não cairdes exaustos, e a morte não se apiedar de vós. Mas em cada um desses minutos sentireis que sois donos da vossa vida, que manobrais a vossa vontade a vossa bel-prazer e que, as guerras não se ganham, mas as batalhas sim. Eu estarei aqui ao vosso lado, e as batalhas que ganharmos serão nossas, e a obra se fará. E restará como um símbolo do que fomos capazes e do que sempre foi capaz a vontade humana, quando tudo lhe é contrário.

E eles ouviram, e nada mais lhe restou que meter as mãos à obra, tomados de uma força indómita, onde a adversidade ainda assobiava mas cada vez mais fracamente, até quase não se ouvir.

E a obra fez-se."

Extraido de coisa nenhuma, composto agora sem mais principio nem fim do que aquele que é possível ler.

Pedro Moço

tiago disse...

Ò Pedro tas inspirado!!!!...muito bem!

People!!!...a ponte está a ficar bonita!..é fixe ver o que está nos desenhos transformado em realidade!!!

Abraços

alecrim aos molhos disse...

Que interessante ter encontrado este blg.
Parabêns pela obra , está a ficar linda,que preciosidade para todos.
Só de pensar que se vai acabar as infinitas esperas da jangada, ou as passagem de piroga quando á noite já a dita jangada parou.(bom só o romantismo da lua ajudou).
Acompanhei o projecto através do meu marido eng.Stephen Hugman do FED-CAON-EU.
E também nós vivemos algumas aventuras neste sitio.
Se tiverem interessados tenho fotos das diferentes fases do projecto, se me derem um email posso enviar.
Bom trabalho e boa estadia.
Clara Hugman

Mónica Lice disse...

É um sonho, ver essa ponte, assim, erguida...

Miguel disse...

25 dias apenas passados aí, mas que deixaram saudades!! ao ver essas fotos, fica exprimido a excelente equipa que aí se encontra, e que dia após dia, dão vida á nova ponte. Desde já fica aqui um forte abraço, a todos sem excepção, agradecendo as boas memórias que comigo trouxe

dino zoff disse...

Dada a sua localização geografica julgo que as dificulades de toda a ordem devem ter sido mais que muitas, nada que impedisse a concretização de mais esta "Obra de Arte", graças ao empenho de todos os profissionais da SOARES da COSTA.

PARABÉNS A TODOS

A.R.Costa disse...

É com emoção que vejo esta fotografia da ponte sobre o rio Cacheu. Durante a guerra colonial o rio Cacheu era uma barreira que as colunas militares e logísticas do PAIGC precisavam atravessar para, a partir do Senegal, atingirem o interior da Guiné. Para contrariar essa travessia, a Marinha mantinha um dispositivo permanente no rio com patrulhas e lanchas. Houve combates e escaramuças. Eu e muitos mais, passamos muitas dezenas de vezes pelo local onde a vossa equipa fez esta ponte. O vosso trabalho está lá! Do nosso sacrifício só ficaram as saudades do Cacheu e pouco mais.