segunda-feira, 27 de junho de 2011

Pontes para o futuro....













Sem excepção, quando questionados sobre a nossa presença na Guiné-Bissau entre os anos de 2007 e 2009, todos referimos que estivemos a construir uma ponte.
Esta resposta, assume contornos simbólicos, pois se é verdade que fisicamente construímos uma estrutura de betão e aço que une as duas margens do rio Cacheu, entre as localidades de S. Vicente e Ingoré, construímos também, colectivamente e individualmente, muitas pontes mais. Pontes de entendimento, pontes de afectos, pontes de vida.
Fisicamente construímos uma grande obra, mas afectivamente construímos muitas pequenas obras.
A Soares da Costa na sua acção meritória e numa perspectiva que sempre persegue, a sua Sustentabilidade, contribuiu para o bem estar das populações de S. Vicente e localidades limítrofes, fornecendo sem custos alguns bens essenciais, dos quais se destaca o fornecimento de água, bem escasso na sua forma potável. A construção e manutenção, com pessoal especializado, de uma enfermaria/dispensário foi também um importante contributo para o bem-estar das populações num país onde a maior parte das doenças já erradicadas na Europa ainda matam todos os dias. A contratação de pessoal local, muitas vezes sem qualquer formação ou valência especializada, contribuiu também para dinamizar a economia do país.
Mas as pontes afectivas, de respeito mútuo e amizade, essas construíram-se naturalmente e sem custos. Essas construíram-se de dentro para fora, de forma automática e simples. Essas assumiram a forma da amizade, da convivência, do entendimento e respeito mútuo. Muitos amigos deixamos todos nós por lá. Penso que conseguimos consolidar a boa imagem de Portugal numa ex-colónia. Levamos novamente, tantos séculos após os Descobrimentos, a nossa língua pátria mais longe. E reforçamos laços.
Esperemos que as pontes que construímos, físicas e afectivas sejam duradouras. Pela nossa parte perdurarão enquanto a memória existir.

2 comentários:

Clavis disse...

Assine e Dvulgue!
Petição Carta Aberta à CPLP de Apoio à Guiné-Bissau
http://www.peticaopublica.com/PeticaoVer.aspx?pi=cplpgb

Anónimo disse...

Bom post!
Eu Acho exactamente o mesmo, mas também acho que podemos sempre tentar fazer algo mais por nos próprios… Apos pesquisa relacionada, verifiquei alguma informação que Vos poderá ser útil:
Formas de Ganhar Dinheiro a partir de Casa - Descubra Como Ganhar Dinheiro a partir de casa - Aumente o Seu rendimento mensal através do mais completo guia criação de rendimentos e oportunidades de negócio em casa! Desfrute e Acima de tudo partilhe a sua experiência! :)
www.ganhaemcasa.blogspot.com/

Tudo de Bom para Vocês,

Abraço